O Selo FSC

A certificação florestal FSC é a mais aceita mundialmente, inclusive no  Brasil. Para colocar o selo FSC no produto, é preciso certificar a cadeia de custódia, o que permite o rastreamento do insumo florestal desde a prateleira até a árvore de origem, passando por todas as etapas de produção, manuseio e transporte.

A marca FSC significa o cumprimento dos mais elevados padrões ambientais e sociais e, assim, permite acessar os mercados mais exigentes, aumentando a competitividade da empresa na economia globalizada.

O selo FSC garante que a matéria prima do produto é proveniente de uma floresta explorada de forma legal, sem trabalho escravo nem trabalho infantil, e com respeito a todos os direitos do trabalhador, inclusive à segurança e à saúde, bem como todos as obrigações sociais e tributos
em dia.

O selo também atesta que aquela floresta de origem do produto é operada por meio de técnicas modernas e adequadas de manejo sustentável, de forma a evitar o desperdício, conservar a biodiversidade e os processos ecológicos, e permitindo que a parte já explorada da floresta se regenere naturalmente.  Finalmente, o selo FSC atesta que a operação é viável economicamente.

Para saber mais sobre o FSC, conhecer as certificadoras credenciadas que atuam no Brasil e ver quais empresas já possuem certificação florestal e/ou certificação de cadeia de custódia no Brasil, acesse www.fsc.org.br
 
© WWF-Brasil / Juvenal Pereira
Madeira certificada com o selo FSC.
© WWF-Brasil / Juvenal Pereira
  •  
© WWF-Brasil
DOE AGORA
DOE AGORA