Podemos conservar a maior parte da vida do Planeta protegendo seus ecossistemas e habitats. Algumas áreas são particulamente ricas em biodiversidade. Lugares com animais e plantas únicos que precisam ser conservados.
Conheça as áreas em que o WWF-Brasil atua:

Amazônia

Floresta Amazônica © WWF
O WWF-Brasil trabalha na região amazônica junto com autoridades governamentais, comunidades locais e indígenas, organizações não-governamentais, o setor privado e outros, para contribuir para a proteção de grandes porções da Amazônia e de sua singular biodiversidade, funções e serviços ecológicos. Saiba mais

Pantanal

Vista áerea do Pantanal. © WWF
Localizado no coração da América do Sul, o Pantanal é uma região peculiar não só pelas suas belezas naturais como também pelo papel que desempenha na conservação da biodiversidade. O Pantanal é a maior área úmida continental do planeta. Ele ocupa parte dos estados do Mato Grosso e Mato Grosso do Sul e estende-se pela Bolívia e Paraguai. Saiba mais

Mata Atlântica

Parque Nacional de Itatiaia, no Rio de Janeiro, uma das partes mais altas da Ecorregião Serra do Mar. © WWF
Variados tipos de florestas, relevos e populações dão cara à Mata Atlântica, ao longo de 17 estados brasileiros, Paraguai e Argentina. Recordista mundial em biodiversidade, essa floresta tropical é também uma das mais ameaçadas do planeta, com 8,5% de sua área original sobrevivendo na região mais desenvolvida e ocupada do país. Saiba mais

Cerrado

More open Cerrado habitat, showing flowering Ipe tree in the Pirenopolis area, Cerrado, Brazil. © WWF
Segunda maior formação vegetal da América do Sul, ocupando um quarto do território brasileiro e pequenas porções da Bolívia e do Paraguai. Importante fonte de água e palco de belezas naturais e culturas incomparáveis, o Cerrado é reconhecido como a região com savanas mais rica em vida no planeta. Todavia, já perdeu metade da vegetação original. Saiba mais
DOE AGORA
DOE AGORA