WWF-Brasil lança hotsite Jornada da Energia Sustentável



31 janeiro 2022    
A energia eólica é produzida a partir da força dos ventos e é gerada por meio de aerogeradores. Neles, a força do vento é captada por hélices ligadas a uma turbina que aciona um gerador elétrico. É uma energia abundante, renovável e limpa.
© Shutterstock.com / Thiago Leite
A transição energética de baixo carbono já é realidade mundial e o Brasil naturalmente tem vocação para se destacar nesse movimento.

Por WWF-Brasil

 
Você já ouvir falar em energia elétrica que vem dos oceanos? Pois saiba que, se todo o potencial energético desse ecossistema pudesse ser aproveitado, seria possível atender a demanda de energia do Brasil inteiro –e sem a utilização de outras fontes energéticas.

Apesar de existirem alternativas sustentáveis, durante décadas utilizamos fontes provenientes de combustíveis fósseis e geramos resultados que impactaram negativamente o nosso Planeta. A transição para fontes de energia de baixo carbono já é uma realidade mundial e o Brasil tem excelente vocação para liderar esse movimento.

Para discutir o tema, o WWF-Brasil acaba de lançar o hotsite Jornada da Energia Sustentável (energia.wwf.org.br) O objetivo é apresentar a matriz energética brasileira, mapeando os Estados com maior geração de energia; apontar as vantagens e desvantagens de cada fonte, bem como os impactos e as soluções possíveis; além de discutir as emissões de gases de efeito estufa.

O Jornada da Energia Sustentável usa como base os dados da Agência Nacional de Energia Elétrica, do Ministério de Minas e Energia e da Empresa de Pesquisa Energética.

Ele mostra, por exemplo, que em janeiro de 2022 o Brasil alcançou 21 GW de capacidade de energia eólica, quase 11,59% da geração nacional, e que já estão outorgados (autorizados para construção) outros 35GW de usinas solares fotovoltaicas.

A discussão sobre alternativas sustentáveis é especialmente importante quando vivemos uma nova ameaça de racionamento de energia, o risco de apagões por conta da seca que afetou diretamente os reservatórios das hidrelétricas e já sentimos no bolso o aumento nas contas de energia.

Por isso, além de reunir as informações disponíveis sobre a atual matriz brasileira, o Jornada da Energia Sustentável apresenta as fontes que, em breve, podem revolucionar o setor (como o hidrogênio verde) e são opções para substituir fontes fósseis (a exemplo do carvão, diesel e óleo combustível).

Numa plataforma amigável e colorida, o site mostra curiosidades, dados e estudos, apresenta contrapontos e análises do WWF-Brasil sobre cada uma das fontes de energia elétrica apresentadas.

O leitor também pode contribuir com a plataforma, sugerindo materiais para serem disponibilizados, como vídeos, publicações, trabalhos acadêmicos e outros.

Conheça mais sobre as fontes de eletricidade do Brasil e faça parte da transição para uma matriz energética de baixo carbono. Inicie essa jornada do conhecimento pelo hotsite Jornada da Energia Sustentável! Acesse: energia.wwf.org.br

Sobre o WWF-Brasil
O WWF-Brasil é uma ONG brasileira que há 25 anos atua coletivamente com parceiros da sociedade civil, academia, governos e empresas em todo país para combater a degradação socioambiental e defender a vida das pessoas e da natureza. Estamos conectados numa rede interdependente que busca soluções urgentes para a emergência climática. Site: wwf.org.br/doe
A energia eólica é produzida a partir da força dos ventos e é gerada por meio de aerogeradores. Neles, a força do vento é captada por hélices ligadas a uma turbina que aciona um gerador elétrico. É uma energia abundante, renovável e limpa.
© Shutterstock.com / Thiago Leite Enlarge
Em 2017, o WWF-Brasil instalou paineis de energia solar em duas comunidades do Sul do Amazonas
A energia gerada pelo sol pode ser aproveitada de várias maneiras, mas, em geral, para a geração de energia útil (elétrica e térmica) nas residências e indústrias.
© Adriano Gambarini/WWF-Brasil Enlarge
A fonte hidrelétrica aproveita o fluxo das águas e a energia potencial contida por uma massa de água elevada para acionar turbinas que geram eletricidade. É a principal fonte de energia elétrica no Brasil, com cerca de 110 GW (gigawatts) de potência instalada, correspondendo a mais de 60% de toda a geração elétrica nacional.
© David Reeks / WWF Living Amazon Initiative Enlarge
DOE AGORA
DOE AGORA