Tanac/Tanagro e WWF-Brasil se reúnem para 2ª oficina de conservação da Mata Atlântica | WWF Brasil

Tanac/Tanagro e WWF-Brasil se reúnem para 2ª oficina de conservação da Mata Atlântica



23 Maio 2017    
Participantes da 2ª oficina de conservação da Mata Atlântica na bacia do Camaquã
© Diogo Versari
Por Taís Meireles

Em parceria com o Comitê de Gerenciamento da Bacia Hidrográfica do Camaquã (RS), WWF-Brasil e Tanac/Tanagro organizaram a 2º Oficina do projeto “Manejo, Conservação e restauração de floresta no bioma Mata Atlântica” na última quarta-feira (17).

A oficina aconteceu em Camaquã (RS) e contou com mais de 40 participantes, entre representantes do governo, empresas, universidades e produtores rurais da região. A oficina foi realizada para apresentar os resultados da 1º Oficina realizada em Cristal (RS) e a construção do mapa participativo das áreas prioritárias para conservação e restauração dos cinco municípios de atuação do projeto: Amaral Ferrador, Canguçu, Cristal, Camaquã e Encruzilhada do Sul, presentes na Bacia do Camaquã (RS).

Também foram apresentados os avanços na fase de planejamento do projeto como: Na segunda parte da oficina, foram levantados os projetos e programas regionais com os atores locais para construir a fase de implementação centrada em três grandes eixos: Restauração Florestal, Educação Ambiental e Boas Práticas Agropecuárias. Também foram identificados recursos disponíveis e demandas necessárias para execução desses projetos.

A partir do 2º semestre, a parceria entre WWF-Brasil e Tanac/Tanagro deve começar a implementação de projetos pilotos alinhados ao processo de construção participativa das duas oficinas e das ações do Comitê de Bacia do Camaquã.

Veja como foi a 1ª oficina da parceria e mais detalhes sobre o projeto.
Participantes da 2ª oficina de conservação da Mata Atlântica na bacia do Camaquã
© Diogo Versari Enlarge
Alessandra Manzur apresenta o mapa participativo das áreas prioritárias para conservação e restauração
© Diogo Versari Enlarge
Daniel Venturi ministra a oficina com integrantes da Tanac/Tanagro, governo e produtores
© Diogo Versari Enlarge
DOE AGORA
DOE AGORA