WWF-Brasil lança Guia para a ajudar na conservação tubarões e raias | WWF Brasil

WWF-Brasil lança Guia para a ajudar na conservação tubarões e raias



03 março 2020    
Tubarão-azul (Prionace glauca)
© Shutterstock
O Brasil é um dos países que mais captura e também consome carne de tubarão no mundo

Por WWF-Brasil


Como parte dos esforços contínuos para desenvolver e compartilhar os estudos e recursos mais recentes para a conservação e o gerenciamento da vida marinha com base em estudos científicos, o WWF acaba de lançar o Guia Prático para Planejamento e Gestão Eficazes de Áreas Marinhas Protegidas para Tubarões e Raias.  
 

Clique aqui para fazer o download do Guia em português


O estudo global é focado em Áreas Marinhas Protegidas (AMP) e reúne os dados científicos de diversas fontes que formam o Guia Prático para Planejamento e Gestão Eficazes de Áreas Marinhas Protegidas para Tubarões e Raias com o objetivo apoiar uma gestão mais moderna em alguns dos maiores e mais importantes países de captura de tubarões, como Indonésia, Espanha, México, Argentina e Brasil. O Brasil, um dos maiores consumidores e produtores de carne de tubarão e raias do mundo, é um peça fundamental para a conservação das espécies de todo planeta.

As áreas marinhas protegidas bem projetadas que incorporam habitats críticos podem fornecer benefícios substanciais para a conservação da biodiversidade e o gerenciamento sustentável da pesca e da vida marinha, tanto em nível nacional quanto regional. Embora as AMPs tenham se tornado um método popular de conservação de tubarões e raias, muitas das áreas já existentes não oferecem todos os benefícios possíveis. Nosso Guia ajuda a maximizar o impacto da proteção espacial, descrevendo como garantir que as áreas sejam bem projetadas, implementadas, gerenciadas e aplicadas no futuro a longo prazo.

Também estão sendo lançadas as versões espanhol e bahasa do "Kit de Ferramentas para Avaliação Rápida de Tubarões e Raias" (em tradução livre). Este conjunto de ferramentas e metodologias foi projetado para ajudar a corrigir eventuais lacunas de dados importantes em muitas partes do mundo, incluindo África, Ásia-Pacífico e América Latina. Tubarões e raias estão enfrentando uma crise cada vez maior em todo o mundo, com 99 espécies criticamente ameaçadas de extinção, quase todas causadas pela sobrepesca (captura do animal na natureza acima da taxa de reprodução sustentável das espécies), e a coleta de dados básicos das espécies é peça fundamental para a conservação do grupo.

As publicações foram traduzidas para bahasa, português e espanhol graças ao apoio do Fundo de Conservação de Tubarões e do WWF-Alemanha.

Tubarão-azul (Prionace glauca)
© Shutterstock Enlarge
Guia Prático para Planejamento e Gestão Eficazes de Áreas Marinhas Protegidas para Tubarões e Raias
© WWF Enlarge
Raia-pintada (Aetobatus narinari)
© Shutterstock Enlarge
DOE AGORA
DOE AGORA