No Sul do Amazonas, produtores rurais participam de eventos sobre restauração florestal



01 outubro 2015    
Durante o curso, participantes aprenderam a fazer o manejo florestal de pequena escala
O manejo florestal é uma opção de uso sustentável da floresta
© WWF-Brasil/ Marcelo Cortez
Com o objetivo de conhecer modelos de restauração florestal e aplicá-los na região de Apuí, no Sul do Amazonas, um grupo de produtores rurais do município participa, no início de outubro, de uma programação especial que vai promover a troca de experiências e informações sobre este assunto.

O evento vai reunir cerca de 30 pessoas, entre produtores rurais, técnicos, extensionistas e especialistas de diversas instituições. Ele ocorre entre os dias 3 e 10 de outubro.

A programação tem inicio com um seminário, em que serão tratados temas como legislação florestal, Cadastro Ambiental Rural (CAR), técnicas de recuperação de áreas degradadas e estudos de caso de Apuí - que fica a 454 quilômetros de Manaus. 

Em seguida, os participantes partem para o intercâmbio, que deve durar seis dias e passar por alguns trechos do Sudoeste da Amazônia, como Boca do Acre (AM) e Rio Branco (AC). 

Estão previstas visitas a aldeias indígenas, cooperativas e projetos de assentamento que possuem experiências bem sucedidas de recuperação de nascentes e áreas degradadas – geralmente por meio de boas práticas de produção e ações de restauração florestal. 

Ponto de partida

A ideia é que esta atividade sirva como ponto de partida para uma série de ações que serão apoiadas pelo WWF-Brasil e seus parceiros a partir do ano que vem. 

Ela vai servir, por exemplo, para o levantamento de informações, reunião de lições aprendidas sobre práticas de campo e a adaptação de modelos para serem aplicados em Apuí.  

De acordo com a analista de conservação do WWF-Brasil, Lorenza Cordeiro, a participação de produtores rurais e técnicos extensionistas é muito importante neste processo. “As experiências práticas, aliadas ao conhecimento científico, são essenciais para a construção de modelos bem sucedidos, que cumpram a função social e ambiental da propriedade rural. Além disso, o envolvimento dos produtores favorece as ações posteriores de implementação e disseminação das técnicas junto aos produtores da região”, disse a analista.

Restauração ecológica

“Restauração ecológica” é o processo que busca recuperar a saúde, a integridade e a sustentabilidade de um determinado ecossistema. 

A Lei 9.985 de 2000, que instituiu o Sistema Nacional de Unidades de Conservação (SNUC), diz que a ideia da restauração é  fazer com que o ecossistema retorne o máximo possível a sua condição original. 

Ele é utilizado em locais que tenham sido degradados, danificados ou transformados pela ação humana e descreve os passos necessários para recuperar aquele ambiente. 

O trabalho de restauração florestal envolve identificar o agente causador da degradação, o ecossistema que deve ser recuperado e a necessidade de intervenções diretas ou não. Regeneração natural, plantio de sementes e plantio de mudas são algumas das maneiras de se recuperar uma área degradada.

O seminário e intercâmbio tem apoio do Instituto de Desenvolvimento Agropecuário e Florestal Sustentável do Amazonas (Idam); do Instituto de Conservação e Desenvolvimento Sustentável do Amazonas (Idesam); da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa); da Secretaria de Meio Ambiente do Estado do Amazonas (Sema-AM); da Secretaria Municipal de Meio Ambiente de Apuí (Semma/Apuí); e do Sindicato Rural do Sul do Amazonas (SindiSul).
Durante o curso, participantes aprenderam a fazer o manejo florestal de pequena escala
O manejo florestal é uma opção de uso sustentável da floresta
© WWF-Brasil/ Marcelo Cortez Enlarge
O projeto Reca existe há 25 anos e hoje comercializa mais de 40 itens, como frutas, doces, compotas, polpas e biscoitos
O projeto Reca, existente no Acre e que trabalha há mais de 25 anos com restauração florestal, será visitado pelos produtores de Apuí
© WWF-Brasil / Jorge Eduardo Dantas Enlarge
No início do segundo semestre, foi realizada mais uma etapa do curso de manejo florestal, que tem o objetivo de capacitar produtores na extração sustentável dos recursos da floresta
Conhecendo técnicas de restauração florestal, é possível recuperar um determinado ecossistema
© WWF-Brasil/ Marcelo Cortez Enlarge
DOE AGORA
DOE AGORA