GBC 2015: Instituições lançam vídeo e apresentam resultados de pesquisa sobre o uso de madeira responsável



11 agosto 2015    
Ecological Station Juréia-Itatins, visited during a Field Trip in the Atlantic Rainforest, 8-24 August 2009, São Paulo, Brazil.
O objetivo do programa Madeira é Legal é conservar as florestas brasileiras
© WWF-Brazil / Adriano Gambarini
As instituições signatárias do Programa Madeira é Legal lançam, durante a 6ª edição da Greenbuilding Brasil Expo, duas iniciativas voltadas à promoção da exploração e comercialização responsável de madeira no Brasil.

Uma delas é a série de vídeos “Tudo o que você sempre quis saber sobre Madeira” e a outra é o resultado de uma pesquisa, voltada aos escritórios de arquitetura do País, que buscou saber quais são os problemas, as oportunidades e possibilidades do uso de madeira responsável na construção civil.

A série de vídeos tem como objetivo mostrar de forma fácil, rápida e objetiva quais são os benefícios no uso da madeira responsável. Ela consiste em três vídeos curtos que vão contar porque precisamos apoiar a exploração responsável de madeira em nosso País e como é possível fazer isso. 

Produtos Digitais

O primeiro vídeo será lançado nesta terça-feira, dia 11, e em seguida será disponibilizado nos canais institucionais das organizações signatárias do Madeira é Legal.     

Os vídeos estão sendo produzidos pela empresa Espaço Virtual, de Brasília (DF), especializada em produtos digitais. Desde o primeiro semestre de 2015, eles vêm lançando outros produtos voltados à disseminação de informações sobre madeira responsável, como um totem interativo, um aplicativo para Android e cartões de QR Code.

Arquitetura Sustentável

Já a pesquisa, cujos resultados serão apresentados na próxima quarta-feira, na tarde do dia 12, foi feito em parceria com a Associação Brasileira dos Escritórios de Arquitetura (Asbea) e teve como objetivo verificar de que maneira os grandes escritórios de arquitetura do País utilizam madeira em seus projetos. 

A pesquisa foi feita em duas semanas e foi respondido por 30 escritórios de grande porte, a maioria do Estado de São Paulo.

A coordenadora do Grupo de Trabalho de Sustentabilidade da Asbea, Milene Abla, contou que a pesquisa é uma iniciativa importante e que dá subsídios para que a associação desenvolva projetos específicos, mais voltados à promoção da madeira responsável.

“A ideia deste trabalho foi ter resultados, para que pudéssemos olhá-los e tentar entender como podemos ter uma atuação mais específica sobre esse tema”, disse.

O analista de conservação do WWF-Brasil, Ricardo Russo, contou que os resultados preliminares da pesquisa apontam que o trabalho que o Madeira é Legal vem fazendo junto aos escritórios de arquitetura estão “no caminho certo”. “Vimos que existe uma grande demanda por intercâmbios e capacitações, algo em que temos investido bastante”, afirmou. 

Greenbuilding Brasil

A participação do programa Madeira é Legal na Greenbuilding Brasil Conference é uma realização do Conselho Brasileiro de Manejo Florestal (FSC ® Brasil), do Sindicato da Indústria da Construção Civil do Estado de São Paulo (Sinduscon-SP), do Sindicato do Comércio Atacadista de Madeira de São Paulo (Sindimasp), da Associação Brasileira dos Escritórios de Arquitetura (Asbea), do Instituto de Pesquisas Tecnológicas (IPT) e do WWF-Brasil. A ação também conta com  o apoio da Comunidade Europeia. 

A Greenbuilding Brasil é uma feira de negócios voltada para a construção sustentável promovida pela organização não governamental Green Building Council Brasil (GBC). 

Ela reúne empresas nacionais e internacionais fornecedoras de tecnologia, equipamentos e serviços. Seu público é formado por arquitetos, construtores, engenheiros, entidades governamentais, arquitetos de interiores, incorporadores e associações do setor.

A última edição da feira, realizada em 2015, contou com 4,5 mil participantes, 63 expositores e 141 palestrantes. Estiveram presentes representantes de 32 países. As inscrições para o evento podem ser feitas on-line.
Ecological Station Juréia-Itatins, visited during a Field Trip in the Atlantic Rainforest, 8-24 August 2009, São Paulo, Brazil.
O objetivo do programa Madeira é Legal é conservar as florestas brasileiras
© WWF-Brazil / Adriano Gambarini Enlarge
"Aquisição responsável de madeira na construção civil" é uma das publicações editadas pelo programa Madeira é Legal ao longo dos anos
© WWF-Brasil Enlarge
Madeira certificada. Acre, Brasil
Trabalhar com madeira de boa origem garante respeito ao Meio Ambiente, aos povos tradicionais, gera tributos e contribui com o uso responsável da madeira
© WWF-Brasil/Bruno Taitson Enlarge
DOE AGORA
DOE AGORA