Especialistas debatem produção responsável de madeira



29 julho 2015    
Em março, o Programa Madeira é Legal esteve presente na Feira Internacional da Construção Civil, ocorrida em São Paulo (SP)
Em março, o Programa Madeira é Legal esteve presente na Feira Internacional da Construção Civil, ocorrida em São Paulo (SP)
© WWF-Brasil / Jorge Eduardo Dantas
Promover reflexões sobre o mercado da construção sustentável no Brasil é um dos objetivos da Greenbuilding Brasil Conference (GBC), a maior conferência sobre o tema na América Latina, que ocorre no próximo mês em São Paulo (SP). 

As instituições signatárias do Programa Madeira é Legal, entre elas o WWF-Brasil, vão promover duas palestras no dia 12 de agosto sobre o mercado de madeira responsável em nosso País, as oportunidades e desafios deste setor. 

Às 9h30, tem início a palestra “Madeira na Construção: desafios e experiência em 200 canteiros de obra”. De responsabilidade do Conselho Brasileiro de Manejo Florestal (FSC ® Brasil), estão confirmados como palestrantes o coordenador do Programa Amazônia do WWF-Brasil, Marco Lentini; o consultor do Centro de Tecnologia em Edificações (CTE), Renato Salgado; e a diretora-executiva do (FSC ® Brasil), Fabíola Zerbini.

Exploração responsável

Já a palestra “Perspectivas para a legalidade da produção de madeira da Amazônia”, proposta pelo WWF-Brasil, terá início às 14h30 do mesmo dia e tem como objetivo discutir de que maneira é possível fomentar a exploração responsável de madeira em nosso País.

Os participantes serão o analista sênior do WWF-Brasil, Ricardo Russo; o diretor-geral do Serviço Florestal Brasileiro (SFB) Raimundo Deusdará Filho; e o diretor da empresa IndusParquet, Jose Antonio Baggio. O moderador será o representante do Sindicato do Comércio Atacadista de Madeiras do Estado de São Paulo (Sindimasp), Rafik Saab Filho. 

Segundo Ricardo, o intuito desta conversa é discutir o problema da ilegalidade da madeira e possíveis soluções sob três prismas diferentes – governo, empresariado e terceiro setor. 

“Queremos oferecer ao público perspectivas e visões diferentes além de, é claro, discutir também possíveis soluções e como podemos fazer um pacto para reduzir a ilegalidade da produção madeireira da Amazônia”, explicou o analista. 

Madeira é Legal

O Programa Madeira é Legal é um protocolo de cooperação, criado em março de 2009 e assinado por 23 instituições, cujo objetivo é incentivar e promover o uso da madeira de origem legal e certificada no Brasil.

Na Greenbuilding Brasil Conference, as organizações signatárias do programa estarão presentes com um stand de 40 m² em que vão apresentar seus produtos, ações e atividades. No espaço, serão disponibilizados e distribuídos diversos materiais (publicações, folhetos, catálogos, guias, pen drives com conteúdos exclusivos e vídeos), com informações obre o uso responsável da madeira no Brasil. 

A participação na feira é uma realização do (FSC ® Brasil), do Sindicato da Indústria da Construção Civil do Estado de São Paulo (Sinduscon-SP), do Sindimasp, da Associação Brasileira dos Escritórios de Arquitetura (Asbea) e do WWF-Brasil. A ação também conta com  o apoio da Comunidade Europeia. 

Conheça a feira

A Greenbuilding Brasil é uma feira de negócios voltada para a construção sustentável promovida pela organização não governamental Green Building Council Brasil (GBC). Ela ocorre entre os dias 11 e 13 de agosto no Transamerica Expo Center, em São Paulo (SP). 

Ela reúne empresas nacionais e internacionais fornecedoras de tecnologia, equipamentos e serviços. Seu público é formado por arquitetos, construtores, engenheiros, entidades governamentais, arquitetos de interiores, incorporadores e associações do setor.

A última edição da feira, realizada em 2015, contou com 4,5 mil participantes, 63 expositores e 141 palestrantes. Estiveram presentes representantes de 32 países. É possível se inscrever gratuitamente na feira, mas o acesso às palestras e seminários será feito mediante o pagamento de uma taxa específica.
Em março, o Programa Madeira é Legal esteve presente na Feira Internacional da Construção Civil, ocorrida em São Paulo (SP)
Em março, o Programa Madeira é Legal esteve presente na Feira Internacional da Construção Civil, ocorrida em São Paulo (SP)
© WWF-Brasil / Jorge Eduardo Dantas Enlarge
Conhecer as espécies madeireiras é o primeiro passo para fazer uso responsável deste recurso
Conhecer as espécies madeireiras é o primeiro passo para fazer uso responsável deste recurso
© Hartmut Junguius/ WWF-Canon Enlarge
A Sumaúma (Ceiba pentandra) é uma das mais famosas árvores amazônicas. A madeira é um dos recursos que ela oferece, assim como frutos, sementes e raízes
© Zig KOCH Enlarge
O Programa Madeira é Legal visa promover o uso responsável da madeira amazônica
O Programa Madeira é Legal visa promover o uso responsável da madeira amazônica
© Deng Jia/ WWF-Canon Enlarge
DOE AGORA
DOE AGORA