WWF-Brasil apresenta demandas para COP-16



02 dezembro 2010    
Vista aérea de floresta alagada entre o Rio Amazonas e o Rio Negro no Amazonas, durante o período chuvoso.
WWF-Brasil tem participado ativamente dos debates mundiais sobre mudanças climáticas e defende uma pauta brasileira para discussão em Cancún.
© Michel Roggo / WWF
O WWF-Brasil elaborou uma lista de quatro itens de demandas ao governo brasileiro em sua participação na COP-16. A ONG ambientalista sugere aos negociadores do Brasil que o país lidere as negociações sobre a Redução de Emissões oriundas do Desmatamento e da Degradação Florestal (REDD), que apresente sua visão de desenvolvimento de baixo carbono para 2050 e os primeiros passos para atingi-la, apoio às fontes inovadoras de financiamento climático e à assinatura de um acordo legalmente válido.

O documento destaca a importância econômica e ambiental do país em âmbito internacional no que tange às negociações sobre mudanças climáticas e sugere que o país mantenha sua posição de liderança e de protagonismo no debate dos temas fundamentais à mitigação e adaptação às mudanças climáticas.

O WWF-Brasil mantém um programa de Mudanças Climáticas e Energia, que atua, em conjunto com a Rede WWF, para propor ações que detenham o aquecimento global.

Como a principal contribuição brasileira para o aumento da temperatura do planeta é a destruição das nossas florestas, o WWF-Brasil tem ações de conservação de florestas na Mata Atlântica e na Amazônia. Além disso, há também esforços para desenvolver modelos de aplicação de Redução de Emissões oriundas do Desmatamento e Degradação florestal (REDD), como se fala na Convenção-Quadro das Nações Unidas sobre Mudanças do Clima.

Na escala global, a geração de energia é a principal fonte de emissão de gases de efeito estufa. No Brasil, apesar de termos uma matriz elétrica considerada limpa, precisamos nos esforçar para que a situação continue boa e melhore ainda mais em termos climáticos e também ambientais. Por isso, o WWF-Brasil também atua nesta área é se tornou um dos pioneiros neste setor ao lançar, em 2006, a Agenda Elétrica Sustentável 2020.

O WWF-Brasil tem participado ativamente de todos os debates em torno das questões climáticas em âmbitos nacional e internacional.

Veja o documento com as demandas do WWF-Brasil.
Vista aérea de floresta alagada entre o Rio Amazonas e o Rio Negro no Amazonas, durante o período chuvoso.
WWF-Brasil tem participado ativamente dos debates mundiais sobre mudanças climáticas e defende uma pauta brasileira para discussão em Cancún.
© Michel Roggo / WWF Enlarge
DOE AGORA
DOE AGORA