A voz humana é fundamental na luta contra as mudanças climáticas



18 dezembro 2009    
Vijay Nambiar recebe o Globo do Povo das mãos da dinamarquesa Anne-Katrine Bisgaard Håkansson, de 10 anos, durante o evento Hora do Planeta Hopenhagen
Vijay Nambiar recebe o Globo do Povo das mãos da dinamarquesa Anne-Katrine Bisgaard Håkansson, de 10 anos, durante o evento Hora do Planeta Hopenhagen
© WWF / Richard Stonehouse

Copenhague, Dinamarca – Quando as luzes voltaram a ser acesas, ao final da Hora do Planeta Hopenhagen (uma combinação das palavras Hope, que significa esperança, e o nome da cidade, convertida assim em Copenhague da Esperança), Vijay Nambiar, chefe-de-gabinete do secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, fez a seguinte declaração:

“As mudanças climáticas podem ser maiores do que cada um de nós; mas não são maiores do que todos nós juntos”.

Os cidadãos da cidade que sedia a cúpula das Nações Unidas sobre as questões climáticas desligaram as luzes durante uma hora, para um evento especial da Hora do Planeta. Isso trouxe de volta à memória o evento mundial ocorrido em março deste ano, quando centenas de milhões de pessoas de 4 mil cidades em 88 países deram seu Voto pelo Planeta, pedindo ações decisivas contra as mudanças climáticas.

O diretor-geral da Rede WWF, James Leape, e a dinamarquesa Anne-Katrine Bisgaard Håkansson, de 10 anos de idade, entregaram o Globo do Povo a Vijay Nambiar. Essa bola brilhante contém um mosaico com 350 gigabytes de esperanças, sonhos e experiência humana recolhidas em todos os continentes, de várias comunidades que vivem no deserto, nas florestas e zonas litorâneas. Ela constitui um mandato mundial para a tomada de ação contra as mudanças climáticas.

O Globo das Pessoas simboliza o esforço coletivo feito em todas as grandes campanhas climáticas, como Sele o Acordo, TicTacTicTac, Levante sua Voz, 350.org, Hopenhagen (Copenhague da Esperança) e Vote pelo Planeta. Apresentado em Sydney (Austrália), o Globo viajou até Copenhague no trem Expresso do Clima e foi entregue à cidade-sede pelo seu guardião-honorário, o diretor-executivo do Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente (PNUMA), Achim Steiner. No caminho, o Globo ficou aos cuidados de diversos cidadãos e guardiães oficiais, sendo exibido por onde passou até chegar ao destino de sua apresentação.

Vijay Nambiar declarou ao público internacional reunido na Praça da Prefeitura de Copenhague - famílias, políticos, mídia jornalística e prefeitos - que a dedicação das pessoas do mundo todo às ações de combate às mudanças climáticas lhe deu esperança.

“O tamanho do desafio não abalou a promessa de vocês”, disse Vijay Nambiar.

“Com este Globo – e as vozes que vocês levantaram – vocês conclamam seus líderes para que protejam as pessoas e o planeta. Juntos, vamos fazer de Copenhague o lugar onde o mundo se juntou para dar lugar a uma nova era de esperança”, concluiu.

Jim Leape disse que a hora de agir é agora.

“As ações a serem tomadas contra as mudanças climáticas foram debatidas durante um tempo longo demais”, disse Leape. E continuou:

“É imperativo que, em 27 de março de 2010 – durante a Hora do Planeta 2010 – as pessoas no mundo estejam confiantes de que nós estamos seguindo na direção certa para proteger nosso planeta e garantir um futuro mais seguro, mais limpo e mais saudável para todos nós”.

Vijay Nambiar recebe o Globo do Povo das mãos da dinamarquesa Anne-Katrine Bisgaard Håkansson, de 10 anos, durante o evento Hora do Planeta Hopenhagen
Vijay Nambiar recebe o Globo do Povo das mãos da dinamarquesa Anne-Katrine Bisgaard Håkansson, de 10 anos, durante o evento Hora do Planeta Hopenhagen
© WWF / Richard Stonehouse Enlarge
DOE AGORA
DOE AGORA