Dietas Sustentáveis | WWF Brasil

What would you like to search for?

DIETAS SUSTENTÁVEIS

© WWF-Brasil/Bruno Taitson

Nossas escolhas alimentares podem fazer uma diferença positiva para as pessoas e a natureza - melhorando nossa própria saúde, a saúde de outras pessoas e a saúde do planeta.

Mas, a dependência excessiva de alimentos selecionados, a falta de diversidade em nossas dietas e o consumo contínuo de itens produzidos de maneira insustentável têm um impacto prejudicial à natureza.

O VERDADEIRO IMPACTO DO QUE COMEMOS

© © Shutterstock

Globalmente, nossas dietas são muito estreitas. Embora mais de 5.000 culturas tenham sido usadas historicamente para alimentos, conseguimos mais de 50% de nossas calorias à base de plantas em apenas três culturas. Cerca de 75% de nossas calorias totais vêm de apenas 12 colheitas e cinco animais. Essa falta de diversidade em nossa dieta causa uma falta de diversidade na natureza e também nos torna menos resistentes a pragas ou doenças em nosso suprimento de alimentos.

Muitas pessoas nos países de renda média e desenvolvidos (e as pessoas mais ricas nos países em desenvolvimento) costumam consomir mais carne e outras proteínas animais do queé necessário apenas para nutrição, com impactos adversos à saúde humana e planetária. Muito disso é produzido de maneira insustentável.

A sobrepesca está ameaçando não apenas nossos estoques de peixes, mas todo o ecossistema de oceanos, assim como muitas espécies, são pescadas em limites críticos ou além. Muitas culturas que ingerimos são cultivadas em terras recém-convertidas e não estão sujeitas a práticas agroecológicas que protegem a saúde do solo e da água - para crescimento futuro e para todos os outros benefícios que proporcionam, desde o sequestro de carbono até o consumo de água.

O QUE POSSO FAZER?

© Frederico Brandão/ WWF-Brasil

Entendemos que dietas saudáveis, equilibradas, diversas e sustentáveis ​​terão uma aparência diferente em diferentes partes do mundo, dependendo de quais alimentos estejam disponíveis e sejam culturalmente relevantes. Também respeitamos que as dietas das pessoas são fortemente influenciadas pelas culturas locais e pela escolha individual, para que nunca seja prescritivo recomendar o que as pessoas comem. Em vez disso, descrevemos algumas dicas para ajudar você a fazer escolhas mais sustentáveis:

  • Verifique suas diretrizes alimentares nacionais e faça o possível para segui-las
  • Coma uma grande variedade de alimentos à base de plantas e garanta que eles compõem uma grande proporção de sua dieta
  • Se você não sabe por onde começar, confira o relatório Future 50 Foods que criamos em parceria com Knorr, que descreve uma coleção de diversos alimentos à base de plantas de todo o mundo
  • Procure credenciamentos de terceiros confiáveis ​​ou informações de rastreabilidade, que possam ajudá-lo a entender de onde veio a comida e como foi produzida.
  • Opte por carne e peixe produzidos de maneira sustentável - se você não encontrar uma certificação confiável, pergunte ao seu fornecedor se eles sabem de onde veio
  • Evite comer tipos de peixes que são colhidos em excesso - mariscos e moluscos são ótimas alternativas
  • Acesse o Guia Brasileiro de Consumo Responsável de Pescado e veja quais as melhores espécies para comprar
  • Conheça a campanha Sem Desperdício - uma parceria entre FAO, Embrapa e WWF-Brasil - e veja formas de aproveitar melhor os alimentos e os recursos do nosso planeta