Betim aposta em arborização urbana no Desafio das Cidades | WWF Brasil

Betim aposta em arborização urbana no Desafio das Cidades

18 Janeiro 2018
Município mineiro também apresenta ações de gestão de resíduos sólidos rumo à sustentabilidade

Não é de hoje que Betim, município da Região Metropolitana de Belo Horizonte, realiza iniciativas de reflorestamento, educação ambiental, coleta seletiva e gerenciamento de resíduos sólidos. Com essas ações, a prefeitura fez a inscrição no Desafio das Cidades pelo Planeta, iniciativa do WWF em 23 países para reconhecer e difundir os esforços dos governos locais rumo à economia de baixo carbono. Em breve serão conhecidos os três finalistas de cada país, eleitos por um júri especializado internacional com auditoria independente da Accenture, a partir dos dados relatados na Plataforma de Registro Climático Carbonn – a mais completa ferramenta global do tema, gerenciada pelo Iclei (Governos Locais pela Sustentabilidade). 

A prefeitura da cidade mineira defende que a implantação e o gerenciamento da arborização das cidades constituem um serviço público fundamental para a população, tanto para seu bem-estar, quanto para uma estratégia de mitigação de impactos ambientais adversos. Para isso, desenvolveu o Plano de Reflorestamento de Betim, que possibilitou definir diretrizes para o planejamento, implementação e gestão da Floresta Urbana no Município, gerar a melhoria da qualidade de vida e do equilíbrio ambiental e sensibilizar e envolver a população, buscando manter e preservar a arborização urbana e seus benefícios.

O Programa Uma Vida, Uma Árvore, também realizado pelas prefeituras de Contagem e Belo Horizonte em parceria com a Rede Globo Minas, é outro mecanismo criado para semear a consciência verde entre os betinenses. A cada nascimento na cidade é plantada uma muda nativa, desde que os pais façam um cadastro online da criança. 

Na área de resíduos sólidos, Betim se orgulha de ter um Aterro implantado e licenciado em 1996, além de coleta seletiva. Outro grande orgulho do município foi a sua seleção para participar como Cidade Satélite do URBAN-LEDS, projeto do ICLEI iniciado em 2013 para promover Estratégias de Desenvolvimento Urbano de Baixo Carbono em Economias Emergentes, levando em consideração a redução da pobreza e a inclusão social. Entre as atividades propostas no escopo do projeto, estavam:

- Discussões técnicas nacionais e internacionais, de forma a disponibilizar expertise no tema de desenvolvimento sustentável urbano de baixo carbono;   

- Disponibilização de servidores para participação de treinamentos nas cidades, seminários nacionais e eventos internacionais;   

- Desenvolvimento e aplicação do módulo de capacitação em mudanças climáticas para funcionários do governo municipal de Betim;

- Criação de Inventário de Emissões de Gases de Efeito Estufa (GEE), feito com base nos anos de 2013 e 2014.

Comentários

blog comments powered by Disqus
DOE AGORA
DOE AGORA