Fundação Renova e WWF-Brasil lançam Portfólio de Desenvolvimento Rural Sustentável da Bacia do Rio Doce | WWF Brasil

Fundação Renova e WWF-Brasil lançam Portfólio de Desenvolvimento Rural Sustentável da Bacia do Rio Doce



09 Outubro 2019   |  
Fundação Renova e WWF-Brasil lançam Portfólio de Desenvolvimento Rural Sustentável da Bacia do Rio Doce
© Divulgação
Em 30 de maio de 2018, o WWF-Brasil e a Fundação Renova firmaram um convênio para a restauração florestal em larga escala na bacia do rio Doce. Um projeto piloto que busca a recuperação florestal em larga escala integrada ao desenvolvimento rural sustentável, em uma abordagem inclusiva, que poderá ser replicada nos 40 mil hectares que deverão ser recuperados pela Fundação Renova na região.

Para apoiar o trabalho que vem sendo realizado pelas duas instituições na bacia, foi desenvolvido dentro do convênio o Portfólio de de Desenvolvimento Rural Sustentável da Bacia do Rio Doce. O documento elenca atividades produtivas que gerem ganhos econômicos e ambientais e promovam o desenvolvimento sustentável da região.

Foi desenvolvido para ajudar o produtor rural em seu processo de decisão rumo ao desenvolvimento rural sustentável na bacia do rio Doce e é composto por 10 encartes, separados por temas:
  1. Localização da área de atuação – Bacia do rio Doce
  2. Recuperação de áreas degradadas – Conservação de solo e água
  3. Produção agropecuária sustentável
  4. Sistemas de produção integrada – iLPF, iLP, iPF, iLF (agrofloresta)
  5. Adequação ambiental da propriedade rural – Legislação ambiental
  6. Tecnologias sociais e destinação de resíduos
  7. Assistência técnica e cooperativismo
  8. Mecanismos Econômicos e Financeiros
  9. Crédito rural
  10. Cadeias produtivas com empresas âncora
O Portfólio foi desenvolvido com base na bibliografia e considerou a aptidão da região, especialmente a atividade
pecuária, além de incluir novos arranjos potencialmente promissores. Compreende ações de inclusão social, baseadas principalmente em iniciativas de desenvolvimento local, contando com parceiros estratégicos.

O que se busca é a gestão integrada para uma paisagem sustentável, promovendo ganhos ambientais, sociais e econômicos e atendendo aos preceitos do desenvolvimento local baseado na sustentabilidade.

Os Mecanismos Econômicos e Financeiros como no caso do pagamento por serviços ambientais (PSA), com ênfase na produção agropecuária sustentável, as tecnologias sociais e as ações de cooperativismo e associativismo com incremento na produção e comercialização dos produtos, contribuirão para uma melhoria da qualidade de vida e renda para as famílias das comunidades a serem trabalhadas.
Fundação Renova e WWF-Brasil lançam Portfólio de Desenvolvimento Rural Sustentável da Bacia do Rio Doce
© Divulgação Enlarge

Comentários

blog comments powered by Disqus
DOE AGORA
DOE AGORA