Nota sobre o artigo "Brazil announces end to Amazon mega-dam building policy", publicado pelo site Mongabay na quarta (3) | WWF Brasil

Nota sobre o artigo "Brazil announces end to Amazon mega-dam building policy", publicado pelo site Mongabay na quarta (3)



04 Janeiro 2018   |  
O Parque Nacional do Juruena, o quarto maior do País, sofre hoje com a ameaça de hidrelétricas
O Parque Nacional do Juruena, o quarto maior do País, sofreu a ameaça de construção de hidrelétricas em seu interior
© WWF-Brasil / Zig Koch
Nos últimos dias, o jornal O Globo (RJ) e o site Mongabay publicaram reportagens sobre uma "nova decisão" do Governo Brasileiro de abandonar a política de construção de grandes hidrelétricas na Amazônia. O WWF-Brasil entende que algumas coisas sobre este tema merecem ser esclarecidas e explicitadas. O posicionamento da instituição sobre o assunto segue abaixo: 

Brasília (DF)
– O WWF-Brasil destaca que não foi realizado anúncio oficial do governo brasileiro sobre alteração de políticas públicas a respeito do fim da construção de grandes hidrelétricas na Amazônia. A reportagem do jornal O Globo, citada no artigo do site Mongabay, repercute a privatização da Eletrobrás, com declarações comentando a tendência identificada há mais de dez anos de redução da construção das grandes hidrelétricas.

De acordo com o Diretor Executivo do WWF-Brasil, Mauricio Voivodic, “as declarações constantes na matéria refletem uma conjuntura de escassez de financiamento público para grandes usinas hidrelétricas, e não uma estratégia definida para o setor. Apenas indicam que o governo brasileiro precisa priorizar energias renováveis. Mas essa mudança ainda não está refletida nas políticas do país de maneira clara”.

Não há novidade em marcos regulatórios relativos a esse assunto. Os caminhos do setor precisam ser debatidos abertamente com a sociedade, como no caso de projetos de PCHs (Pequenas Centrais Hidrelétricas), que também devem atender os critérios adequados de legislação ambiental. O WWF-Brasil avalia que a disposição que o governo demonstra pode ser positiva caso ela se materialize num plano real com ações efetivas de transição para energias limpas.
O Parque Nacional do Juruena, o quarto maior do País, sofre hoje com a ameaça de hidrelétricas
O Parque Nacional do Juruena, o quarto maior do País, sofreu a ameaça de construção de hidrelétricas em seu interior
© WWF-Brasil / Zig Koch Enlarge
As grandes hidrelétricas causam enormes impactos sociais e ambientais nos ecossistemas amazônicos
© WWF / Michel ROGGO Enlarge

Comentários

blog comments powered by Disqus