Rappam 2015 | WWF Brasil

Rappam 2015



12 Setembro 2017   |  
Avaliação da Gestao das UCs _Rappam (2015)_Samge (2016)
© WWF-Brasil
Com o intuito de auxiliar a gestão do Sistema Nacional de Unidades de Conservação (SNUC), o WWF-Brasil organizou em parceria com o ICMBio a publicação “Avaliação da gestão das unidades de conservação federais (2015): métodos Rappam e Samge”.
 
O método Rappam (sigla em inglês para Rapid Assessment and Prioritization of Protected Area Management ou Avaliação Rápida e Priorização da Gestão das Áreas Protegidas) foi desenvolvido pela Rede WWF e consiste em uma ferramenta simples que permite aos tomadores de decisão e formuladores de políticas para as unidades de conservação identificar as maiores tendências e aspectos que devem ser considerados para alcançar uma melhor efetividade de gestão em um sistema ou grupo de áreas protegidas.
 
O WWF-Brasil vem aplicando o Rappam em parceria com os órgãos ambientais desde 2004, tendo avaliado mais de 500 áreas protegidas até hoje. Em 2015, a análise abrangeu 150 unidades de conservação na Amazônia. Ao longo do texto são comparados os resultados das aplicações desse método nos ciclos de 2005, 2010 e 2015 para UCs federais na Amazônia. O estudo chama a atenção para a migração de UCs para os níveis mais altos de efetividade de gestão.
 
Em 2005 a maioria das unidades de conservação apresentavam efetividade de gestão na faixa considerada Baixa (menor que 40%), tanto no grupo de proteção integral (50%) quanto no de uso sustentável (67%) e nem 10% das unidades estavam na faixa Alta (maior que 60%). Já em 2015 a distribuição das unidades foi 12% na faixa Baixa, 58% na Média (de 40% a 60%) e 31% na Alta. Para as UCs de uso integral, o desempenho foi ainda melhor, com 18% na Baixa, 33% na Média e 49% na Alta.
 
Espera-se que as informações e análises contidas nessa publicação sirvam de base para ajudar os órgãos responsáveis na gestão do sistema analisado e no processo de melhoria da sua efetividade, além de informar a sociedade brasileira sobre a efetividade da gestão governamental nesse importante conjunto de áreas protegidas, gigantesco patrimônio biológico e cultural nacional.
 
Avaliação da Gestao das UCs _Rappam (2015)_Samge (2016)
© WWF-Brasil Enlarge

Comentários

blog comments powered by Disqus