| WWF Brasil



Como mobilizar mais pessoas

Que tal mobilizar mais pessoas e começar a promover mudanças na sua casa, no trabalho e mesmo na cidade? Para sensibilizar seus familiares, amigos ou colegas, converse sobre o assunto com eles, façam juntos o teste da pegada e verifiquem como estão os hábitos de consumo de cada um, imaginando quais seriam as possibilidades comuns para reduzir suas pegadas coletivas.

Na cidade
Que tal se envolver com a administração da sua cidade? Há muitos espaços para a atuação do cidadão. Você pode participar da associação dos moradores do bairro, dos conselhos de meio ambiente, comitês de gestão de Bacia Hidrográfica, do orçamento participativo e defender a necessidade da administração urbana preservar as áreas verdes e manter ou criar o sistema de coleta seletiva.

Você também pode envolver seus vizinhos na criação de um grupo ambiental ou na promoção de mutirões de limpeza e embelezamento da cidade.

Se na sua cidade ou bairro houver trabalhos relacionados à Agenda 21 (compromissos ambientais assumidos por mais de 180 países durante a Conferência Mundial Eco-92), participe do processo e envolva seus amigos nas ações planejadas.

Procure conhecer as organizações não-governamentais que atuam na sua cidade ou região. Você pode ajudá-las ou fazer parte delas, afiliando-se ou realizando trabalhos voluntários.

Adotar a “carona solidária” para ir e voltar do trabalho, da escola ou de outros locais que visita com freqüencia também é uma ótima contribuição. Ou então, comprar coletivamente alimentos saudáveis, orgânicos e de procedência conhecida.

Estas são as atitudes que, efetivamente contribuem para a redução da nossa pegada, levando para a prática o exercício da cidadania, o cuidado com o meio ambiente e o combate ao desperdício dos recursos naturais.

Em casa
Você pode verificar e controlar o consumo de água, gás e energia da sua residência por meio das contas mensais, comparando-as e mostrando os dados para todos os familiares e colegas.

Se você mora em prédio ou condomínio, que tal convocar os vizinhos e propor um sistema de coleta seletiva ou outra ação ambiental?

Será que em sua escola, clube ou trabalho as pessoas participariam de compras solidárias? O comércio ético e solidário é muito mais do que um movimento que valoriza as pessoas e a cultura.

Hoje em dia ele é visto como uma ferramenta efetiva de desenvolvimento local, que contribui para a fixação das comunidades nas áreas rurais, buscando reverter o quadro atual em cerca de 80% da população mundial se concentra em áreas urbanas.

Você sabia que o comércio ético e solidário vem crescendo ano a ano? Ele reúne os segmentos de produtos orgânicos, certificados ou naturais, artesanato, terapias alternativas, turismo responsável e outros setores.

Então, entre nesta onda e consuma produtos do comércio ético e solidário. Você estará colaborando para reduzir a desigualdade social e promover o
desenvolvimento econômico no rumo da sustentabilidade.

No trabalho
Colabore com programas de eco-eficiência, mobilizando os colegas em relação a ações complementares, divulgando os resultados e melhorias alcançadas, interna e externamente.

Caso sua empresa ainda não esteja engajada com projetos desta natureza, sugira a adoção dessas posturas a seus dirigentes.

Quem sabe não existam mais colegas preocupados com o meio ambiente para formar um grupo e propor melhorias no seu local de trabalho? Ou para formar um grupo de voluntários e planejar uma ação?

Que tal criar um mural, divulgar informações pela Internet ou convidar um
profissional da área ambiental para fazer uma palestra?

Na escola
Se você tem filhos na escola, pode ajudar a reduzir a pegada ecológica
ao participar da Associação de Pais e Mestres (APM). Você pode também planejar e realizar ações de re-equilíbrio ambiental que envolvam a comunidade escolar, como implantação de coletas seletivas, campanhas para redução do consumo de água e de energia, mutirões de limpeza e pintura da escola etc.

Se você é aluno, pode participar e desenvolver projetos para ampliar a consciência ambiental crítica dos colegas e da comunidade escolar, por meio de mostras de vídeos ecológicos, grupos de estudo, palestras, mutirões de plantio de árvores, projetos ambientais ou construindo
a Agenda 21 escolar.
 
	© WWF-Brasil
Como mobilizar mais pessoas
© WWF-Brasil

Hora do Planeta

Em São Paulo e em todo o Brasil, as velas substituíram as lâmpadas durante a Hora do Planeta 2010. 
	© WWF-Brasil/Juvenal Pereira
A Hora do Planeta é um ato simbólico no qual todos são convidados a mostrar sua preocupação com as mudanças climáticas, causadas pela forma atual de utilização dos recursos naturais e produção de bens de consumo. Milhões de pessoas participam em todo o mundo. [Leia mais]