Águia-cinzenta: naturalmente bela e rara

A águia-cinzenta (Harpyhaliaetus coronatus) é um gavião campestre de grande porte que chega a pesar 3 quilos e atingir 85 centímetros. A ave imponente costuma ter hábitos solitários. É encontrada em casais apenas nos períodos reprodutivos.

Com um temperamento forte,  observa a movimentação do alto das árvores. Para fazer o ninho, a águia utiliza galhos secos na borda de veredas, onde encuba apenas um ovo.  Após o nascimento, os filhotinhos ficam sob os cuidados de suas mães por seis meses.

A alimentação do poderoso gavião é constituída por animais de médio porte. Na dieta do predador é possível encontrar gambás, lebres, ratos silvestres, aves e répteis. A ave tem uma excelente visão e pode enxergar outro animal a cerca de 400 metros de altura.
 
A espécie apresenta uma distribuição bastante ampla, que vai desde desde o Rio Grande do Sul até o norte de Mato Grosso e sul do Pará e Maranhão. Também pode ser encontrada da Argentina à Bolívia. No entanto, a águia-cinzenta é muito rara em toda a sua distribuição, sendo dificilmente encontrada mesmo em seus habitats preferenciais.

Porque será que um animal tão forte pode desaparecer?

Ameaças
 
A águia-cinzenta é um falconiforme raro por natureza. A ordem dos falconiformes contém apenas cerca de 300 espécies. A águia-cinzenta é de porte avantajado, e necessita de presas e áreas grandes para constituir territórios de alimentação e reprodução. Por preferir habitats abertos ou semi-florestados, acaba se tornando alvo fácil de caça, principalmente de fazendeiros, devido a eventuais ataques da águia aos animais de criação. Mas o principal motivo de ameaça à espécie é o avanço da agricultura e descaracterização de seus habitats originais. A alta degradação do Cerrado, bioma com as maiores populações da espécie, é um fator que coloca em risco a existência da águia-cinzenta.

A criação de mosaicos de Unidades de Conservação, o planejamento do uso do solo e a manutenção de reservas legais e áreas de proteção permanentes podem ser opções efetivas. Também é imprescindível diminuir a perseguição e abate de indivíduos por meio de fiscalização e educação ambiental. Finalmente, é essencial que se estabeleça um programa de conservação ex situ para a espécie, antes que sua população atinja níveis críticos.

Fonte: Livro Vermelho da Fauna Brasileira Ameaçada de Extinção, MMA.
Águia-cinzenta (Harpyhaliaetus coronatus) no Parque dos Pireneus, Pirenópolis, GO. / ©: Mauro Cruz
Águia-cinzenta (Harpyhaliaetus coronatus) no Parque dos Pireneus, Pirenópolis, GO.
© Mauro Cruz
A águia-cinzenta é muito rara em toda a sua distribuição, sendo dificilmente encontrada mesmo em seus habitats preferenciais.

Curiosidades

  • A águia-cinzenta é considerada ameaçada em muitos dos estados onde ela ocorre, tais como Minas Gerais, Paraná, São Paulo, Rio Grande do Sul e Pará.

    O nome águia-cinzenta deve-se às características físicas da espécie. É uma águia de grande coloração cinza clara, com característico topete na nuca, asas largas, penas longas e garras curtas.